20.11.12

O herói chamado Zumbi dos Palmares

Por Elis Oliveira


Zumbi nasceu em 1655, descendente de guerreiros angolanos, foi o grande líder do Quilombo dos Palmares, respeitado herói da resistência contra a escravidão. Foi capturado no quilombo ainda garoto por soldados e entregue ao padre Antônio Melo, de Porto Calvo, que o criou, educou e o batizou de Francisco. Aos 12 anos Zumbi, que viraria o líder do Quilombo dos Palmares tinha um grande conhecimento de Português e Latim. Padre Antônio Melo escreveu várias cartas a um amigo, exaltando a inteligência de Zumbi (Francisco).
Com quinze anos, Zumbi fugiu e voltou para o Quilombo. Tornou-se um dos líderes mais famosos de Palmares.  "Zumbi" significa: a força do espírito presente. Baluarte da luta negra contra a escravidão. .
O nome Palmares foi dado pelos portugueses, em razão do grande número de palmeiras encontradas onde hoje é o estado de Alagoas. Palmares era um abrigo não só de negros, mas também de brancos pobres, índios e mestiços extorquidos pelo colonizador.
Por quase cem anos, o Quilombo dos Palmares existiu acolhendo cerca de vinte mil habitantes. Palmares, nos engenhos e senzalas, era considerada a Terra Prometida, e Zumbi, era tido como eterno e imortal reconhecido como um protetor leal e corajoso.  Com um extraordinário e talentoso dirigente militar, Zumbi explorava com inteligência tudo que estava ao seu redor.
Foi Domingos Jorge Velho, um bandeirante paulista, que destruiu Palmares. O ano era 1694, com mais de 9.000 homens, armados com canhões, Domingos Jorge Velho começou a empreitada que levaria à derrota de Macaco, principal povoado de Palmares. Segundo os historiados, Zumbi foi localizado no dia 20 de novembro de 1695, com “O corpo perfurado por balas e punhaladas foi levado a Porto Calvo. A sua cabeça foi decepada e remetida para Recife onde, foi coberta por sal fino e espetada em um poste até ser consumida pelo tempo”. (SOARES, 2005, pág 123)
O Dia da Consciência Negra é celebrado em 20 de novembro no Brasil e é dedicado à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira, data da morte de Zumbi dos Palmares.
Sob a lei 10.639, de nove de janeiro de 2003, o dia 20 de novembro é incluído no calendário escolar. A mesma lei também tornou obrigatório o ensino sobre História e Cultura Afro-Brasileira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
| Design by Free WordPress Themes and Kurpias| Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes and Kurpias |