9.10.13

Skate, um estilo de vida


Não sabemos ao certo quando surgiu o skate, mas tudo indica que foi na Califórnia , nos meados dos anos 1960. Na época em que o mar não estava para onda, os surfistas pegaram as rodas de seus patins e colocaram em shapes, que basicamente eram pequenas pranchas de madeira, assim puderam surfar em terra firma.
Já no Brasil o esporte chegou entre 1965 e 1970. Alguns anos depois aconteceu no Brasil o primeiro campeonato, realizado no Primeiro Clube Federal, no Rio de Janeiro. Nesta mesma época foi inaugurada a primeira pista de skate do Brasil e da América Latina, na praça Ricardo Xavier da Silveira, em Nova Iguaçu, também no estado carioca.
Nem tudo foi glória, o skate teve suas quedas, primeiro foi abandonado por muitos, devido à falta de interesse dos fabricantes pelo esporte, muitos atletas tiveram que largar, pois os gastos eram muitos e os retornos mínimos, os poucos que restaram mantiveram em pé o estilo freestyle de andar.
Após a primeira ruína, o esporte se levantou, porém  mal sabiam os skatistas que a revista Skateboarder , que era uma das mais importantes sobre o assunto, anunciaria uma mudança de planos, começou a cobrir assuntos relacionados somente a competições de Biker’s. Foi quando se deu a segunda queda do skate, muitas pistas fecharam e muitos abandonaram o esporte, ficaram apenas os que realmente gostavam do carrinho.
Então, esses skatistas que perderam suas pistas, suas revistas e patrocínios resolveram andar na rua, usando tudo que achavam no cotidiano como obstáculos, daí surgiu o street skate , que permanece firme e forte até hoje.
A mídia abraçou a causa, grandes marcas surgiram assim como revistas, produtos, sites, programas de TV e campeonatos fixos. Hoje, grandes skatistas, entre eles brasileiros, faturam alto através de seus patrocinadores, o esporte que começou como curtição, hoje, é uma verdadeira profissão.
O skate virou um estilo de vida e inspirados nisso os alunos de jornalismo do primeiro ano da Universidade Estadual do Centro Oeste montaram um documentário do esporte em nossa cidade, Guarapuava. O conteúdo ficou interessante, vale a pena conhecer um pouco da história do skate Guarapuavano.


Por: Amanda Bastos Maciel



Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
| Design by Free WordPress Themes and Kurpias| Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes and Kurpias |