7.12.13

Países na Copa: Bélgica

        Com o lema, no Brasil futebol também é cultura, o GorpaCult continua sua série , que conta um pouco mais sobre a cultura de cada país que participará da Copa do Mundo, e como o futebol está inserido nele.
     Dessa vez, vamos falar sobre a Bélgica, país europeu de 30.528 quilômetros quadrados e uma população de cerca de 10,7 milhões de habitantes divididos em três regiões: a Flandres a norte, onde se fala flamengo (neerlandês), a Valónia a sul, onde se fala francês, e Bruxelas, capital bilingue, onde o francês e o neerlandês são línguas oficiais.

     Bruxelas, com muitos prédios modernos e empreendimentos é sua capital, cidade mais populosa, e também, Centro da União Europeia, assumindo um posto que faz refletir a coragem e arrojo do povo Belga.
     Por todos seus anos, a Bélgica acumulou muitas riquezas, que serviram de investimentos para sua arquitetura e artes. Havendo importantes centros históricos nas cidades de Bruges, Bruxelas, Liège, Gent, Namur e Antuérpia. Nessas cidades, há a concentração de igrejas e edificações do período gótico. Na capital, Bruxelas, há 14 museus, entre eles o Museu Real de Arte e História que apresenta diversas coleções de Jan Bruegel, René Magrite, além de tapetes e esculturas do século XVI.  
     
      A Bélgica é muito famosa pelos seus chocolates, que são apreciados e considerados os melhores do mundo. O país produz mais de 1000 marcas de cerveja, sendo considerada referência nessa prática.
       O futebol é o esporte mais populoso da Bélgica, praticado desde o século 19. Sua Seleção foi fundada em 1904 e seu país conta com Anderlecht, Club Brugge e Standard de Liège como seus principais times, muitas vezes participando da elite do futebol mundial.

       Já em Copas do Mundo, a seleção Belga participou de 11 edições, com seu melhor desempenho sendo o quarto lugar em 1986, no México. E dessa vez, aqui no Brasil, promete surpreender, com apenas três gols sofridos nas eliminatórias se tornou cabeça de chave, e chega com uma chance até razoável de conquistar o título mais importante do futebol. 


Por: Diana Pretto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
| Design by Free WordPress Themes and Kurpias| Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes and Kurpias |