8.6.13

Onde Vivem os Monstros

Spike Jonze dirigiu, em 2009, um filme baseado no conto infantil Onde Vivem os Monstros.  Jonze o trabalha  de uma forma muito forte e tocante, ressaltando as sutilezas  do livro que fazem a diferença.
Em aproximadamente 100 minutos, Max, o pequeno protagonista, vê-se em crise em casa e resolve fugir por não ter amigos e por sua família não o compreender.
Max é acompanhado por uma trilha sonora feita para ele, e que, em momento algum, falha em sua missão.
Depois de outro dia começar, o menino chega a uma ilha desconhecida e decide explorá-la. Encontra seres estranhos discutindo muito e interfere, protegendo o mais sozinho, Carol.
Uma amizade começa ali e se intensifica a cada minuto da trama, fazendo crescer também, sentimentos de cuidado e respeito entre os dois, e a sensibilidade nos espectadores.
Max torna-se rei. Monstros de diferentes formas e com diferente dons fazem parte da colônia e estão sempre em atrito, competindo por atenção da nova Excelência. Cada monstro simboliza uma das personalidades do menino, e ele se afeiçoa as melhores: ao instinto de família e ao companheirismo de Carol.
O filme todo trabalha com sentimentos puros, e transporta os espectadores para algum lugar de suas infâncias, mostrando que a simplicidade é algo positivo e que as coisas boas e ruins residem em cada um de nós, sendo nosso o poder de escolha em senti-las ou não.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
| Design by Free WordPress Themes and Kurpias| Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes and Kurpias |